• Endereço

    Rua Botucatu, 448, Vila Clementino, São Paulo

Incontinência urinária

Incontinência urinária e síndrome pós-menopausa

A incontinência urinária de esforço e a síndrome pós-menopausa são condições que afetam muito a qualidade de vida das mulheres, por isso hoje vamos falar de como tratar esses dois problemas.

 

Incontinência urinária

A incontinência urinária é uma alteração muito comum, na qual ocorre a perda involuntária de urina em situações comuns, como espirro, tosse, uma gargalhada ou na prática de exercícios físicos.

Isso é muito desconfortável. Muitas mulheres deixam de realizar algumas atividades para tentar evitar esse constrangimento.

O risco de ter perda de urina pode aumentar com a idade, mas pode acometer também mulheres jovens. Obesidade, diabetes, tabagismo e parto vaginal são alguns dos fatores de risco.

 

Síndrome pós-menopausa

A síndrome pós-menopausa envolve um conjunto de sintomas que podem aparecer nessa fase da vida: secura vaginal, irritação, infecções urinárias de repetição, dor na relação sexual. Tudo isso pode piorar muito a qualidade de vida da mulher.

Um dos tratamentos possíveis nesses casos é a reposição hormonal, mas para algumas pacientes essa não é uma opção desejada ou até mesmo possível.

O laser de 2940 é uma tecnologia que tem atração principalmente pela água, estimulando o colágeno. A ponteira foi desenvolvida para poder ser utilizada em áreas de mucosa, assim é possível fazer o tratamento intravaginal.

É colocado um espéculo, semelhante ao das consultas dermatológicas, e a aplicação é absolutamente indolor. São recomendadas 3 sessões, com intervalos mensais.

Quer tratar a gordura localizada? Clique aqui e conheça a criolipólise! 

O estímulo de colágeno resultante do tratamento melhora a sustentação da uretra, diminuindo sensivelmente as perdas urinárias.

Há também o espessamento da mucosa vaginal, melhorando as irritações, a lubrificação da região, diminuindo o desconforto e possibilitando uma vida sexual saudável.

É importante ressaltar a necessidade do trabalho multidisciplinar junto ao ginecologista, que vai fazer o diagnóstico correto das condições, afastando outras alterações antes do tratamento ser realizado.

Não permita que a incontinência urinária ou a menopausa limitem a sua vida. Converse com seu ginecologista e seu dermatologista a respeito para saber se esse é um tratamento indicado no seu caso.